sábado, 28 de setembro de 2013

[DIVULGAÇÃO] "As Aventuras de Honey Bel", de Miguel Carqueija

O que você diria de uma agente secreta que nada sabe sobre o assunto, que é desastrada e assumidamente biruta? Que se tornou agente secreta por acaso? Poderia dar certo de alguma forma?

Bem. Talvez, se o nome dela for Honey Bel (o sino doce) e se possuir um truque secreto do qual só ela tem conhecimento e somente ela sabe utilizar.

Estamos falando de “As aventuras de Honey Bel”, a nova novela de ficção científica de Miguel Carqueija, autor de “A face oculta da Galáxia”, “A Esfinge Negra”, “O fantasma do apito”, “Neblina e a Ninja”, “Farei meu destino”, “Tempo das caçadoras”, “As portas do magma” (co-autor Jorge Luiz Calife), “Horizonte sombrio”, “A cidade do terror” e outras novelas e romances de ficção científica, terror, mistério e fantasia, inclusive o recente lançamento “O estigma do feiticeiro negro” (co-autora Melanie Evarino).

Este é, provavelmente, o trabalho em que o humor – marca registrada de Miguel Carqueija – atinge o seu clímax nas obras deste autor. Veja como Honey Bel, uma jovenzinha pobre, faminta, friorenta, hiper-romântica e com a cabeça nas nuvens, se vê no centro de uma complicada teia que envolve a Cosmopol e um roubo audacioso. Numa trama passada num mundo colonial e no distante futuro, veremos como Honey lida com uma situação perigosa e para a qual aparentemente não se encontra preparada; uma situação que poderá levá-la à glória ou à cadeia.

Mas o grande sonho de Honey Bel não é a glória, o sucesso ou o dinheiro; acima de tudo encontra-se a sua determinação de entrar na posse definitiva de um Príncipe Encantado, queira ele ou não.

“As aventuras de Honey Bel” tem como reforços o prefácio de Francisco Martellini e o posfácio de Ricardo Guilherme dos Santos.

Lendo esta novela, você saberá até onde vão a doce birutice e o atrevimento de Honey Bel.

É ler para crer.

(Sinopse para divulgação da obra, escrita pelo autor Miguel Carqueija)

Nenhum comentário:

Postar um comentário